Edital – Grupo de Pesquisa ”A Tutela da Supra Individualidade, da Ordem Econômica, em uma Perspectiva Constitucionalizada da Intervenção Punitiva”

[vc_row][vc_column][gt3_spacing height=”32px”][gt3_custom_text text_color=”#3c434b” font_size=”16″]

O Núcleo de Pesquisa e Estudos Avançados (NPEA) da Faculdade Milton Campos tem inscrições abertas até o dia 20 de março para o processo seletivo do grupo de pesquisa “A Tutela da Supra Individualidade, da Ordem Econômica, Em Uma Perspectiva Constitucionalizada da Intervenção Punitiva”.

[/gt3_custom_text][gt3_spacing height=”25px”][gt3_custom_text text_color=”#3c434b” font_size=”16″]

Podem se inscrever alunos que estejam cursando, ou já tenham cursado, a disciplina Direito Penal IV, com a ementa do currículo XII (a tutela penal da supraindividualidade).

[/gt3_custom_text][gt3_spacing height=”25px”][gt3_custom_text text_color=”#3c434b” font_size=”16″]

A seleção será feita por análise de currículo Lates e pré-projeto de pesquisa, além de entrevista com os candidatos, para preenchimento de 3 (três) vagas.

[/gt3_custom_text][gt3_spacing height=”25px”][gt3_custom_text text_color=”#3c434b” font_size=”16″]

Os alunos selecionados para o Grupo de Pesquisa terão orientação do prof. Dr. Luciano Santos Lopes durante a pesquisa, que deverá ter dois encontros por mês para apresentação de resultados, estudos de textos e outras atividades acadêmicas.

[/gt3_custom_text][gt3_spacing height=”25px”][gt3_custom_text text_color=”#3c434b” font_size=”16″]Confira o edital completo:[/gt3_custom_text][gt3_spacing height=”15px”][gt3_button button_title=”EDITAL” button_size=”large” button_alignment=”center” btn_border_width=”2px” link=”url:https%3A%2F%2Fmcampos.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2020%2F03%2FEDITAL_GRUPO_DE_PESQUISA_A-TUTELA_DA_SUPRA_INDIVIDUALIDADE.pdf||target:%20_blank|”][/vc_column][/vc_row]

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.